sábado, 6 de abril de 2019

4 COISAS QUE SATANÁS NÃO QUERIA QUE ACONTECESSE.

Novamente, o transportou o diabo a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo e a glória deles. E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares. Então disse-lhe Jesus: Vai-te Satanás, porque está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele servirás (Mateus, 4.8-10).

Satanás não se deu por perdido, e pela terceira vez tentou Jesus, para que ele fizesse a vontade dele. Querendo com isto frustrar o plano da salvação para humanidade.
Isso nos deixa uma lição que Satanás também tentará nos desviar dos planos de Deus nos oferecendo as coisas deste mundo como fez a Jesus.

SATANÁS NÃO QUERIA QUE A PROMESSA DA VINDA DO REDENTOR SE CUMPRISSE.

A primeira profecia que Jesus morreria pela humanidade está em (Gênesis 3.15) onde diz que Jesus seria ferido no calcanhar e feriria a cabeça da serpente ao morrer na cruz. Com a sua morte e ressurreição ele venceu Satanás, a morte e o pecado; e nos resgatou da morte e da condenação, Ele fez algo que era impossível a nós, porém, Satanás não queria isto.
Satanás tentou impedir o plano da redenção desde o princípio da humanidade, após a queda do homem no Éden, começou o maior conflito da história, entre a semente da mulher e a semente maligna que começou em (Gênesis 3.15) e terminará em Apocalipse (20.10), quando o diabo for lançado no lago de fogo. Satanás desde o princípio tentou impedir que viesse o descendente da mulher da qual nasceria Jesus.

SATANÁS NÃO QUERIA QUE O MENINO JESUS VIVESSE.

E, tendo nascido Jesus em Belém da judéia, no tempo do rei Herodes, eis que uns magos vieram do Oriente a Jerusalém, e perguntaram: Onde está aquele que é nascido rei dos judeus? porque vimos a sua estrela no Oriente e viemos a adorá-lo. E o rei Herodes, ouvindo isso, perturbou-se, e toda a Jerusalém, com ele. Então, Herodes, vendo que tinha sido iludido pelos magos, irritou-se muito e mandou matar todos os meninos que havia em Belém e em todos os seus contornos, de dois anos para baixo, segundo o tempo que diligentemente inquirira dos magos (Mateus, 2.1-3,16).

A matança dos meninos mandado por Herodes, foi outra investida de Satanás para tentar frustrar o plano da redenção. Mas Deus protegeu o menino Jesus e outra vez o plano do diabo foi frustrado. Como não matou o menino, depois de adulto satanás tentou desviar o rumo de Cristo na tentação do deserto, oferendo os reinos deste mundo a ele. O reino de Cristo não era deste mundo, um reino terreno e mundano movido a artifícios políticos e glórias humanas, ele veio oferecer outro reino a humanidade, um reino celestial. Jesus disse a Pilatos; "meu reino não é deste mundo". Satanás tentou desviar Jesus do plano da redenção oferecendo os reinos deste mundo.

SATANÁS NÃO QUERIA QUE JESUS MORRESSE NA CRUZ.

Você provavelmente já deve ter ouvido aquela história de que houve festa no inferno quando Jesus morreu. Na verdade, não houve festa no inferno quando Jesus morreu, isso não existe na bíblia. O diabo não queria que Jesus morresse pois seria o cumprimento das Escrituras. Com a morte de Jesus Satanás foi destronado (Cl.2.14,15). Satanás não faria uma festa para comemorar sua própria derrota.
Veja que Jesus disse que morreria na cruz e Pedro disse que não queria que isto acontecesse. Então Jesus disse: "para trás de mim Satanás que não compreende as coisas de Deus..."(Mateus 16.21-23). Pedro foi chamado de Satanás (adversário) por Jesus por não desejar que ele morresse. Satanás não queria que Jesus morresse, pois ele sabia que a sua morte na cruz seria a sua derrota e traria salvação para humanidade.

SATANÁS NÃO QUERIA QUE JESUS RESSUSCITASSE.

Enfim, uma vez que Jesus foi crucificado e morto, Satanás agora não queria que Ele ressuscitasse. Porque com a ressurreição de Jesus, Satanás sabia que ele perderia o seu império e as chaves do domínio sobre a morte e o inferno.
As chaves que Jesus tomou do diabo foi o domínio sobre a morte e o inferno (Apocalipse 1.18). Quando o homem caiu no Éden e passou a pecar, Satanás teve o controle da morte, ninguém poderia ressuscitar para a vida eterna, porque Satanás tinha o império da morte e dominava sobre todos os homens. Mas, vindo Jesus Cristo, a história mudou. O escritor aos hebreus nos diz: E, visto como os filhos participam da carne e do sangue, também Ele participou das mesmas coisas, para que, pela sua morte, aniquilasse o que tinha o império da morte, isto é, o diabo, e livrasse todos os que, com medo da morte, estavam por toda a vida sujeitos à servidão (Hebreus, 2.14,15). Satanás perdeu o império da morte, Jesus venceu a morte, ressuscitou e está vivo para sempre. Aleluia!

Nenhum comentário:

Postar um comentário