terça-feira, 11 de agosto de 2020

A NOVA GERAÇÃO DE ISSACAR.

Dos filhos de Issacar, destros na ciência dos tempos, para saberem o que Israel devia fazer, duzentos de seus chefes e todos os seus irmãos, que seguiam a sua palavra (I Cr.12.32). 

O cronista nos informa que, na coroação de Davi sobre o trono de Israel, as tribos vieram em grande número trazendo seus representantes. Entre todas as tribos de Israel, a tribo de Issacar se destaca com uma informação surpreendente, quando o cronista escreve sobre Issacar diz: "Dos filhos de Issacar, destros na ciência dos tempos, para saberem o que Israel devia fazer, duzentos de seus chefes e todos os seus irmãos, que seguiam a sua palavra (I Cr.12.32). Os filhos de Issacar foram de grande importância para Davi no momento de sua coroação em Hebrom. O poder de Deus sobre Davi e sobre os filhos de Issacar, resultava no crescimento da nação, na expansão do reino, na grandeza do povo e na comunhão com Deus. 

A ciência sempre contagia e esclarece. O conhecimento mostra o que o homem pode fazer através da capacidade humana. Porém, a ciência de Deus é mais impactante e poderosa, porque mostra o que o homem pode fazer quando está aliado ao Criador. Essa geração de Issacar era respeitada e reverenciada por todos, a começar pelo rei Davi, que não se movia sem os seus conselhos. Muitas vezes, perdemos muito tempo na vida por não entendermos os tempos de Deus. Alguns homens e mulheres se atrasaram e se equivocaram por não discernirem o tempo de Deus em suas vidas. 

NASCIMENTO DE ISSACAR.

Deus ouviu Lia, e ela engravidou e deu a Jacó o quinto filho. Disse Lia: "Deus me deu a recompensou por ter dado a minha serva ao meu marido". Por isso deu-lhe o nome de Issacar (Gn.30.17,18).

O nome Issacar significa "galardão", Lia sentiu-se recompensada por Deus com o nascimento do seu quinto filho, por isso chamou o seu nome Issacar.

PROFECIA ACERCA DE ISSACAR.

Issacar é um jumento forte, deitado entre as suas cargas. Quando ele percebe como é bom o seu lugar de repouso e como é aprazível a sua terra, curvará seus ombros ao fardo e se submeterá a trabalhos forçado (Gn.49.14,15).

AS GERAÇÕES DE ISSACAR.

1- Uma Geração Acomodada e Escrava do Trabalho.

Issacar é um jumento forte, deitado entre as suas cargas. Quando ele percebe como é bom o seu lugar de repouso e como é aprazível a sua terra, curvará seus ombros ao fardo e se submeterá a trabalhos forçado (Gn.49.14,15).

Durante muitos anos, a geração de Issacar viveu apenas no cumprimento da parte negativa da profecia de Jacó. Estava difícil nascer na tribo de Issacar alguém que cumprisse a primeira parte da bênção. Eles eram fortes podiam se libertar do jugo do inimigo opressor, mas se acomodaram. Preferiram viver como escravos em sua própria terra.

Aqui nós aprendemos que, uma geração inteira pode fracassar, quando um pensamento medíocre se apodera de uma liderança que já se sente derrotado antes de entrar na batalha. Com este pensamento de fracasso, prefere se acomodar e não ir a luta.

2- Uma Geração de Guerreiros Dispostos a Enfrentar o Inimigo.

Os lideres de Issacar estavam com Débora; sim, Issacar também estava com Baraque, apressando-se após ele até o vale. Nas divisões de Ruben houve muita indecisão (Jz.5.15).

Em seu cântico, Débora, juíza em Israel, informa que os principais da tribo de Issacar estavam com ela na vitória contra o exército do comandante Sísera. Deus sempre espera que o seu povo tenha fé e coragem para conquistar coisas extraordinárias. Esta nova geração de Issacar era ousada e destemida, eles uniram-se a Débora na peleja contra o capitão Sísera e seu exército e foram vitoriosos.

Isto é o que Deus espera de nós, que sejamos uma geração de homens e mulheres ousados e destemidos, unidos na peleja contra as hostes da força do mal e o sistema corrupto e pecaminoso.

3- Uma Geração de Conhecedores dos Tempos e Estrategistas de Guerra. 

Dos filhos de Issacar, destros na ciência dos tempos, para saberem o que Israel devia fazer, duzentos de seus chefes e todos os seus irmãos, que seguiam a sua palavra (I Cr.12.32). 

O que o cronista registra acerca dessa outra geração dos filhos de Issacar é surpreendente. Ele lista duas qualidades que são de suma importância: Eram peritos no conhecimento dos tempos e estrategistas. Essa geração dos filhos de Issacar possuía uma marca que os diferenciavam das outras tribos: Conhecimento e discernimento. Não eram pegos de surpresa, mas eles surpreendiam. Estavam sempre à frente e o rei só tomava decisões após consultá-los. Eram homens estrategistas, que sabiam o que o povo deveria fazer, e como fazer em qualquer circunstância. 

CONCLUSÃO:

A geração de Issacar foi bem sucedida na sua época, porque soube viver e agir de forma diferente. Precisamos urgentemente aprender a interpretar os sinais de nosso tempo, como fez os filhos de Issacar em seus dias. Quando discernimos o tempo certo de Deus em nossas vidas, cresceremos e amadureceremos na fé. A nossa geração precisa sair da inercia e mergulhar na dimensão do Espírito Santo, para discernir os tempos e ver o que ninguém consegue ver. Deus está levantando uma geração de crentes dotados de conhecimentos, com habilidades de discernir os tempos, sem se embaraçar com as coisas deste mundo tenebroso. Amém! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário